"Bem-aventurada a que creu, porque serão cumpridas as palavras que lhe foram ditas da parte do Senhor" Lc. 1.45.

Cuidado com as suas PALAVRAS



Há uma história de uma mulher na Inglaterra que foi se encontrar com o seu líder espiritual, com a consciência muito pesada. O líder dela sabia que ela tinha o costume de inventar fofocas e já havia falado mal de quase todos na sua aldeia. Então ela perguntou:

"Como posso fazer as pazes com as pessoas?" Ela implorou.

O homem disse: "Se você quiser fazer as pazes com a sua consciência, pegue um saco de penas de ganso e solte na varanda da casa de cada um que você caluniou."

Quando ela terminou de fazer o que ele havia pedido, ela voltou e disse: "É só isso?"

"Não", disse o velho sábio. "Agora você deve voltar, recolher todas as penas e trazê-las de volta para mim."

Depois de muito tempo aquela mulher voltou sem uma única pena... "O vento soprou e levou embora todas as penas", disse ela muito triste.

Então o homem disse: "Minha boa mulher, é isso o que acontece com a fofoca. As palavras duras são facilmente lançadas, mas nós nunca podemos trazê-las de volta."

Não podemos falar palavras maldosas, insensíveis, ásperas, ríspidas, rudes, enganosas, ofensivas ou arrogantes sem colher as conseqüências. Com nossas palavras podemos construir ou destruir vidas. "Mas o que sai da boca vem do coração, e é isso que contamina o homem" (Mt 15:18). "Nas palavras do sábio há favor, mas ao tolo os seus lábios devoram" (Ec 10:12). Peça a Deus que crie em você um coração puro tão cheio do Espírito Santo, de seu amor e sua verdade a ponto de transbordar de amor, verdade e cura naquilo que você diz. Peça a Deus que a ajude a encontrar palavras que vivifiquem os que estão ao seu redor.

Senhor,

Ajuda-me a ser uma pessoa que diz palavras que constroem e não destroem.

Ajuda-me a ter palavras vivificadoras para as situações e pessoas ao meu redor e não palavras de morte.

Enche meu coração novamente a cada dia com teu Santo Espírito, para que teu amor e bondade transbordem de meu coração para minha boca.

Ajuda-me a falar apenas coisas que são verdadeiras, respeitáveis, justas, puras, amáveis, virtuosas e louváveis.

"As palavras dos meus lábios e o meditar do meu coração sejam agradáveis na tua presença, Senhor, rocha minha e redentor meu!" (Sl 19:14).

Guarda minha boca de dizer qualquer mal ou qualquer coisa que não seja verdadeira. Espírito Santo da verdade, guia-me em toda a verdade. Ajuda-me a falar "de acordo com os oráculos de Deus" e com a capacidade que vem de ti para que tu possas ser glorificado (1 Pe 4:11).

Que cada palavra minha reflita tua pureza e amor.Tua Palavra diz que "o coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do Senhor " (Pv 16:1).

Prepararei meu coração ao passar tempo com tua Palavra todos os dias e ao obedecer a tuas leis. Prepararei meu coração adorando-te e dando-te graças em todas as coisas.

Enche meu coração de amor, paz e alegria para que elas fluam de minha boca. Mostra-me quando murmuro ou falo de modo negativo.

Ajuda-me a não falar rápido demais ou em excesso.

Ajuda-me a não usar palavras que causem falhas de comunicação.

Mostra-me quando falar e quando ficar calada.

E, quando eu falar, dá-me palavras que trarão vida e edificação.

Ajuda-me a ser uma mulher que fala com sabedoria, bondade e clareza e nunca de modo leviano, áspero ou insensível.

Dá-me palavras que falam da esperança que há dentro de mim, a fim de que eu possa explicar minha fé de modo persuasivo e tocante.


Que minhas palavras conduzam os outros a um conhecimento mais pleno de ti.

Nenhum comentário:

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios